Publicado em coisas

Relacionamento e Videogame

Os relacionamentos hoje são como jogos de vídeo game. Pontuação máxima, ganha o jogo.

Se você mandar mensagem perde ponto, se demorar para responder a mensagemganha ponto. Se assumir a saudade perde ponto, se fingir que não se importa ganha ponto. Se confessar o sentimento perde muitos pontos, se negar a paixão ganha muitos pontos.

E assim os casais vão acumulando pontos e disputando quem é o mais forte, o mais desapegado, o mais desencanado, o independente, o auto suficiente, o mais esperto ou o menos bobo. E sabe quanto tempo se perde com esse joguinho? Dias, meses e até anos. Porque manter esse jogo eternamente nos torna frios, fracos e solitários.

Ninguém quer ferir o próprio ego, ninguém quer sair por baixo, ninguém aceita a rejeição, o pé na bunda ou a cara de tacho. E quanto mais jogamos, mais craques ficamos e mais frios nos tornamos.

No final da noite os “campeões” se deitam e cantam vitória na cama fria, com uma enorme muralha entre ele e os outros. Por orgulho? Por medo?

É, o medo, aquele que comanda tudo. Porque mesmo que o motivo seja Orgulho, é o medo que comanda. Medo de quê? De ser feliz? De não ser feliz? O medo impede, bloqueia, ilude… Ah, mas te faz ganhar o jogo do desapego, né? Está satisfeito? Pode viver assim?

Porque mandar a primeira mensagem te diminui, mas tudo que você queria era dizer o quanto ele é especial, o quanto você gostou daquele beijo. O quanto os olhos dele preencheram você. Como você gostou daquela risada fácil e daquele charme descontraído.

Nem mesmo um Oi? Só pra saber como ele está? Não, né? Você não vai se rebaixar porque ele pode não te responder imediatamente. E se ele estiver fazendo o mesmo jogo que você, no mínimo vai demorar 4 horas para te responder. E essas eternas 4 horas se tornarão uma tortura sem fim e você vai se arrepender amargamente de ter enviado aquele bendito “Oi”. Mesmo que ele responda, é você que vai demorar outras 4 horas para responder e por ai vai. Sabe quanto tempo perderam os 2? Pelo menos 8 horas. Pra que?

Bicudo ele, bicuda você e no fim…… Dois bicudos não se beijam.”

Vi circulando no facebook, e achei super válido. Quem escreveu foi Monika Jordão.

Anúncios

Autor:

Escrever é enfiar o dedo na garganta.

Uma opinião sobre “Relacionamento e Videogame

  1. Infelizmente vivemos um momento complicado onde os valores estão totalmente invertidos… a mesma pessoa que quer só curtir se sente ofendida quando o parceiro deixa fluir sem compromisso… a outra que quer algo sério pede um tempo quando o outro se declara e dá a entender que quer algo sério…se você é você mesmo, desagrada porque não é o que a pessoa esperava, se você se molda ao que a pessoa quer acaba criticado por não ter personalidade…enfim… vivemos um mundo de aparências onde o menos recomendado é ser você mesmo…é triste mas é a pura verdade!!!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s